sábado, 12 de fevereiro de 2011

HOJE

Hoje eu acordei

Não entendendo nada

Fiquei!

Olhando para as paredes vazias

Passei!

A imaginar quadros que nunca pintei

Hoje eu acordei

Não lembrando o que sei

Dos sonhos que sonhei

Da escuridão com medo fiquei

Parei de andar por ruas sem ninguém

Hoje eu acordei

Não entendendo nada

Chorei!

Por motivo ou razão

Que não sei?

?Se existe algo ou alguém

Que me faça esquecer

Hoje outra vez

Quem saiba

Eu não sei?

Se a algo de errado

Em ficar aqui

Hoje eu acordei

Não entendendo nada

Deitei-me

53 comentários:

joão victor borges disse...

Parece letra de música, imagino os ápices nos verbos exclamados.

Abraço! ;)

http://anpulheta.blogspot.com

barbaranonato disse...

Há dias que parecem mesmo não ter nenhum sentido...
Ou damos sentidos a ele, ou esperamos por um novo dia.

Harah Nahuz disse...

Quantas vezes já fiz isso...
Deitei...Chorei...

@Axcel09 disse...

Seria uma tentativa de disfarçar a solidão? Já perdi a conta de quantas vezes me peguei desenhando quadros coloridos na minha parede para tentar disfarçar a dor...

Samir . disse...

Já passei por aqui algumas vezes, e em todas, sempre me deparei com belas escritas, como esta em questão.

Evandro Oliveira disse...

Lindo texto Rogério.
Suas palavras sempre tocam meu coração.
Escrever é isso, tocar a alma.

Bom final de semana.

Aparece lá no blog sabor da letra.

Edward disse...

legal

Nathacha disse...

Acordamos pensando que tudo o que aconteceu na noite anterior possa ter sido um sonho ou pesadelo...vontade de sumir, esquecer , passar tudo isso de maneira indolor...
belo texto
http://www.medicinepractises.blogspot.com/

Cris Mitsue disse...

Parece letra de música mesmo..

Muito belo! Todos já se sentiram assim.. Se ainda não, sentirão algum dia..

Beijos!

Cayo Nauan Siqueira disse...

Opa, já passei por aqui há algum tempo atrás, q bom saber q este blog permanece bom e cheio de textos bem estruturados...

Dani disse...

Muito bom mesmo.
Devias musicar...Ficaria maravilhoso.
bjoo

________________________________
http://poeirafina.blogspot.com/

bia santos disse...

E assim os dias passam e nem percebemos...Muitas vezes nem dá tempo de sequer pensarmos...

Aline Cruz disse...

Como vc fez isso.. descreveu um dia meu...???
Bem assim que me sinto as vezes, cheia de medos... incertezas... Sem saber o que é certo ou errado, me assustando com tudo.. insegura com minha própria vida.

Adoreii o post Rô..
Beijos

Fabi disse...

as vezes eu acordo assim também...
sucesso.
http://fabisocci.blogspot.com/

joão victor borges disse...

E dormi para acordar de novo.

Abraço! ;)

http://anpulheta.blogspot.com

Estude-me ! disse...

Também tenho os meus momentos, choro, não entendo nada, e até mesmo o motivo do porque estou chorando, eu não entendo rs

http://estude-me.blogspot.com

Nero disse...

Me lembrou uma música do Matchbox 20, Unwell...

All day staring at the ceiling,
making friends with shadows on my wall,
All night hearing voices telling me that I should get some sleep,
Bacause tomorrow might be good for something...
(...)
But I'm not crazy, I'm just a little unwell,
I know right now you can't tell...

Espero que tenha a ver com o significado pretendido do texto, porque me lembrou muito!

Allef S. Loureiro disse...

Confesso que não sou um apto apreciados de poesias/poemas, entretanto as suas são lindas e bem escritas. Parabéns!

Jornal da Melhor Idade disse...

Concordo com o João Vitor ..parece letra de música
Beijos pra vc. Parabéns!
http://missaobeleza.blogspot.com/

@missaobeleza1

joão victor borges disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
joão victor borges disse...

Já comentei. E po, próxima vez que pedir atualização, pelo menos lê né rs

http://anpulheta.blogspot.com

Italo Stauffenberg disse...

ótimo poema!

parabéns!

http://manuscritoperdido.blogspot.com/

iThiiago disse...

GOSTEI DO BLOG, FALTA SÓ UM TEMA MAIS CLARO MEU SITE WWW.EXPORTFILMES.COM COMENTA

V¡ии¡¢¡µs ツ disse...

se quiser da pra criar uma musica ou um poema atraves deste texto! parabens!


aceita parceria com links acesse

Site da NET | Portal de Novidades

Luiza Jardim disse...

Lindo o seu blog! parabéns!

Lucas Manoel disse...

Muito bem escrito
tocou de verdade
abraços

carolineferriblog disse...

adooorei o blog!!

quem quiser, olhe o meu http://doceestranhomundodecarol.blogspot.com/

Paulo Cheng (Rico) disse...

MUITO BELO TEU POEMA, COMO VC ESCREVE BEM CARA, PARABÉNS.

Luis Tonello disse...

parabénas. é bom refletir

garotoforense disse...

hoje o dia não faz nenhum sentido

No one ~ disse...

Fiqueiiii sem palavras.
Texto lindo, muito bom *-*

bjs

http://nowitbeggins.blogspot.com

Jordania Eugênio disse...

deitei, chorei, solidão ? talvez, mas pode ser também um jeito de extravassar emoções, boas e ruins .

;)

http://piscesgenio.blogspot.com

Lucas Manoel disse...

lembrei de CBJR, muito legal... e bem escrito e o melhor...
muito bem imaginado
abraços
e se poder:
http://www.furdunconosemaforo.com.br/

Lucas disse...

A normalidade é um passo à solidão...
Têm dias que precisamos não entender nada.
Por: http://quaddronegro.blogspot.com/2011/02/e-hora-de-acordar.html

Peixe Antenado disse...

gostei,me identifiquei, e mal acabei de ler começou a chover aqui, combinou,rss.

valeu!

Luis Sapir disse...

Uma amnésia tão profunda quanto a certeza de que prantos fazem parte desse passado abandonado, ou talvez esquecido

Italo Stauffenberg disse...

sucesso!

Samir . disse...

Esses entencimento e desentendimentos cotidianos, criado por nós mesmos, causam um ar de surpresa, frustração...

Jefferson Reis disse...

O pior é quando não podemos nos deitar de novo, não é? Temos que ir trabalhar, ou ir para a universidade, ou isso, ou aquilo. Apatia desmedida é um grande problema.

Pobre esponja disse...

Acontece sempre comigo, poeta!
Parece um rap, hehe
Isso aí

abç
Pobre Esponja

michelly disse...

seu versos são lindos,são de uma profundidade tamanha.
http://michellyraphael.blogspot.com
comente e siga!!
bjus!!

O mundo de cada um disse...

Quantas vezes tive nem vontade de não sair da cama. Que o dia não existisse.

Léo owned disse...

Muito legal

passaportelove disse...

Realmente existem dias em que acordamos e temos que voltar p/cama e começar tudo de novo!!Parabéns pelo blog!!

CHICLETE DE OVO disse...

Muito bom! Você tem uma boa percepção do presente... Soube ver o lado mais dramático e entediante que é a rotina e o cotidiano!

CHICLETE DE OVO disse...

http://chicletedeovo.blogspot.com/

Carlos Andrade - Never Forget 29/05/2007 disse...

essa sensação de "acordei e subitamente nada aconteceu" é muito estranha mesmo, tem uma música do Colin Hay que fala a respeito

diego disse...

tenho inveja de guitarristas, dentistas e de pessoas que saibam expressar seus sentimentos, tem que ter talento..!

curti o blog

http://oirlandes.blogspot.com/

Tati disse...

Versos roteirizados... dá para imaginar a angústia!

Karla Hack dos Santos disse...

Gostei muito!
Acordar, de fato, é algo raro!

;D

Raoni Piagem disse...

Nossa tem dias assim
acho e gosto de seu versos vou te seguir

Habib Sarquis disse...

Dá pra virar música hein.

http://boomnaweb.blogspot.com/

regiane disse...

gosto do seu blog,mas acho muito escuro poderia ter um findo mais claro,mais limpo,parabens pelos versos,
http://cabelobeleza.com