sexta-feira, 24 de abril de 2009

Diário de um Sobrevivente parte 5


LIVRO 3 Retorno a Escuridão
Começo e escrever essa terceira parte do Diário, a pior face que passei nesse mundo. Tentarei passar
tudo que aconteceu comigo depois do acidente. Minha luta para sobreviver. Escrevo essas palavras com emoção
por que o que passei, sozinho nesse mundo tem que estar documentado, esperando que alguém um dia possa ler e saber
exatamente o que aconteceu comigo...então vamos começar essa viagem ao terceiro e ultimo livro do Diário...

Não me lembro de quanto tempo permaneci desacordado, nem dei conta dos meus ferimentos, se era grave ou apenas
arranhões.
Abria e fechava meus olhos sem entender muito bem o que tinha ocorrido. Tudo foi tão rápido, apenas me lembro que
estava dirigindo a moto em alta velocidade, estava bêbado, irado não me reconhecia, até que de repente sem esperar
perdi o controle da moto e tudo escureceu.
E agora estou deitado no asfalto fria sem me mexer, ouço os ventos, como se fosse um assobio na minha mente,
apenas meus olhos se mexem olhando de um lado para outro.
Sem esperar começo a dar risada do ocorrido, e penso comigo estou só nesse mundo caindo aqui sem ninguém para me ajudar era só o que faltava..
Respiro fundo e tento me levantar, mas não consigo minha perna esquerda está adormecida, com ajuda dos
cotovelos tento me levantar um pouco, ai percebo como o acidente foi realmente grave.
Vejo uma mancha de sangue na calça e debaixo está formando uma poça de sangue, ao examinar melhor percebo
que sofri um corte profundo. Tento me levantar mas ao pisar no chão com a perna machucada volto a cair, não consigo me sustentar não há força na perna. Tantas coisas passam pela minha cabeça, será que quebrei a perna a dor e insuportável.
O medo toma conta de mim começo a transpirar, fico apavorado, quero gritar pedir por ajuda, mas e inútil já que estou
só nesse mundo.Tento me controlar respiro e expiro fundo, fecho meus olhos preciso ter calma, ficar apavorado
só piora a situação. Penso comigo eu sou o Sobrevivente não vou morrer assim desse jeito
...continua...

82 comentários:

Daniel disse...

to vendo que passou por uma barra... nao gosto de motos.

Guilherme Santos disse...

legal o texto
que situação se meteu ein
hehehe

jcdigital disse...

Pow, que louco, história bem contada.

;)

Toddy disse...

mto bem escrito o texto
parabens pelo blog!!!!
o meu hj tenta passar uma msg positiva
http://t-crespi.blogspot.com
vlw

Plutonauta disse...

bela narrartiva.... parabéns

Fábio disse...

Muito bom!!

' αliиε ' disse...

Amei
xD
Gostei daqui...

se puder dá uma passadinha no meu blog

http://www.alin3.blogspot.com

Thais disse...

nossa hein, situação ñ boa.
bjss, parabens pelo blog.

garra disse...

muito legal
mais q situação heim
(so p/ sabe qntas partes tem?)

se puder
http://sonabrisa.nomemix.com/

Caroline disse...

Cara por isso que a minha mãe nunca vai me deixar comprar uma moto...

http://messnatural.blogspot.com/

Juneka disse...

Legal!! :D

Muhzinhuw disse...

Historia legal!!!!

Bruno Gunner disse...

boa narrativa kra
bem legal mesmo
alguns coments aih em cima criticam as motos e tal
mas com consciencia moto eh muito bom kra
eh arriscado neh pq vc tem ke contar com a consciencia do veiculo de terceiros neh
mas com a ajuda de Deus e a nossa consciencia eu adoro moto
tive uma mais de um ano e nunca me acidentei
menos mal

Floor de Liz disse...

lendo seu texto,lembrei de uma carta de uma menina contando uma situaçao parecida,porém o dela foi por causa de drogas, e tals.. e ela contando oq sentia,pois tava internada, mal.. ah sei lá.
tem uma certa semelhança por ser narrativa,
parabéns, vc relata as coisas nitidamente ^^
bjao!

http://cogumeloerosa.blogspot.com/

Sóda Games disse...

Parabéns garoto, como sempre mandando muito bem no blog.
Abraço e sucesso !!

Otimização de recursos e serviços.
http://menosbits.blogspot.com/
O jeito inteligente de se usar a internet.

Antonoly disse...

Por isso é que me mantenho afastado das motos, barra pura!

Hellen Taynan disse...

1º O banner tá simplesmente LINDO!!!
2º Mto boa narrativa pra história!

Passa no meu se puder...
http://bulanabula.blogspot.com/

luiz disse...

cada cap fica melhor
xD

se puder
http://sonabrisa.nomemix.com/

Rodrigo Luz disse...

você escreve muito bem...
acidentes fazem da parte da vida..em todos sentidos..


http://debaixodocogumelo.blogspot.com/
FIloSofIA SurReALisTA de BoTeqUiM

Cinthia Rodrigues disse...

Muito interessante seu blog. Isso é um personagem ou é experiência própria?
=*

Jonh171Gatinho disse...

eu não li os outros, mais esse aqui esta muito bom

palavras ao vento disse...

algumas pessoas comentaram e ficaram em duvidas...1..pretendo terminar na parte 10...
2...e storia de um personagem...mas eu tento me incorporar sendo eu mesmo que passei por tudo akilo...se alguém tiver algums duvidas eu responderei na medida do possivel...e continuem lendo as storias....

Arlindo000 disse...

muito bom O.o

show mesmo

Liipee disse...

morrer de que?
acho que se fosse eu na hora meu medo era ficar manco.
:)

QHuqhuihqhq
BOM, BELO POST.
de boa
abrá.
:*

MARCOS LEITE(POETA D'ALMA) disse...

Hoje eu amanheci ótimo, como sempre o tempo não é a favor de mim, a minha amanhã passou rápido, a tarde “chegou”, e eu a “viajar pelo mundo virtual”,vir um texto que falava do amor eterno,eu li e fiquei refletindo,e comecei a me perguntar,será que realmente para nós o amor é eterno?

CONTINUE LENDO...

http://odiariodeumaalma.blogspot.com

Ailton Sobrinho disse...

Infelizmente, você fez duas combinações não muito agradáveis (álcool e direção).... Obviamente, acidente é acidente, se fosse algo previsto receberia outro nome... Felizmente, você pôde se recuperar e narrar o ocorrido... (Pelo que entendi e pela forma que narra, acredito que você tenha sido o próprio personagem do acontecimento...)

Fabricio disse...

Que historia hein?!
Qnd sai a continuação? quero ler

Lucas Sepúlveda disse...

Já tinha lido a primeira, segunda e terceira parte. Pelo o que li da quarta e quinta, está ficando cada vez mais intrigante.

Parabéns!



http://blogdopequi.blogspot.com/

Nandy disse...

Adorei a história, esperando a continuação!

x3 disse...

caramba , que barra.
Bom parabéns pelo blog tudo de bom
se possivel visite.
http://x3crise.blogspot.com/

Alfenido disse...

Bom texto. entrou na maior furada

JaCoNa disse...

História bem contada... mas peguei o bonde andandu então nem posso emitir uma opnião O.o

"Vejo uma mancha de sangue na calça "
isso pode ser u inicio d eum poema, ou d euma musik xD

Daniel disse...

estou aguardando o próximo capítulo... quero ver se as coisas melhoraram...

Sóda Games disse...

Vlw guerreiro

Otimização de recursos e serviços.
http://menosbits.blogspot.com/
O jeito inteligente de se usar a internet.

Luan F. Bittencourt disse...

Muito bom o seu texto! Ainda bem q tenho medo d andar d moto! (por esse motivo xD)
Muito bem escrito o seu texto! PArabéns!! =D

sofismo disse...

Interessante, muito interessante.
Sobrando um tempo, me visite
www.sofismo.wordpress.com

avassaladorasrio disse...

Querido amigo avassalador...
Nossa! essa parte foi bastante angustiante... muito bem descrita.
espero que tudo fique bem... como diria um certo escritor ingles..."Tudo termina bem, quando acaba bem"

Richard disse...

Uma bela narrativa, algo que me deixou emocionado!
Parabéns, cara!

Naah disse...

Um ótimo blog, parabéns!

Se quiser dar uma olhada no meu...

http://naah-umpoucodetudo.blogspot.com/

bjo.

infoerock disse...

Opa, muito bom esse seu blog, você escreve muito bem, aew, virei seguidor XD, se tiver interessado em parceria é só falar comigo =D

Abraço

Mr. Rickes disse...

Muito importante esse teu depoimento.
Serve de lição!
As feridas se fecham, o sangue seca. Levanta e segue tua vida!

0/

mano maya kosha disse...

narrativa interessante, estou super longe de ser profissional, mal sou amador, mas procure descrever melhor os fatos que aumenta a emoção daquilo que já estão tão interessante, e reveja a pontuação de palavras e frases antes de postar, no mais, achei a história envolvente, vou até ler as anteriores para compreender melhor o processo

Srtª Nina disse...

que barra!!Mto bom teu blog ae!!

sofismo disse...

Kra, queria ter esta facilidade pra narrar histórias...
Parabéns
visite meu blog

Moniquetudybom disse...

sobreviventes uma dia morrem...

Renan Damasceno, disse...

que situação...

Gostei da imagem no cabeçalho do blog.

Abraço
www.moviolaposmoderna.blogspot.com

-=|gä®ö†¡ñ|-|ä|=- disse...

Maneiro!

Cineasta 81 disse...

Ta enrolado

Jonh171Gatinho disse...

muito bom texto

Rafaely disse...

aahh, suas histórias são tri legais! Atooron!

Beijo Beijo

Rafinha

Inez disse...

A história está muito bem escrita, mas não li até o fim porque me fez lembrar de uma situação parecida que aaconteceu comigo, mas foi acidente de ônibus e não de moto.

Thais Puga®. disse...

cara.. odeio motos por isso ..
que situação barra!!

Mas adorei sua forma de contar!
PErfeita!

Té,
beijos. xD

Ericritico disse...

Muito bom seu texto, cara você escreve muito bem Parabens pelo blog muito bom mesmo vou sempre ler seus textos!!!!!!

Paula Martins disse...

Deixa eu entender, achei que tinha um livro com esse nome...estou errada??

JuANiTo disse...

Que aflição cara!
E agora?!
Abraço!

Antonoly disse...

Você tem que publicar os seus contos, você escreve muito bem!

Márcio disse...

Esta postagem parece uma narração de um acidente real. Porém, parece a seqüencia de um conto fictício. Vou ler melhor os contos a partir do primeiro para me situar, pois li apenas este e o 4.

Uma crítica (ou sugestão): Reveja sua pontuação. Vírgulas em locais errados e falta de dois pontos em outras partes do texto deixaram a leitura um pouco truncada.

Abraço.

Rodrigo Estevam disse...

lindo blog passa no meu
www.i-aew.tk

Rafael Portillo disse...

Eu sinto. Não tenho o que dizer de tuas postagens. Acontece que este tipo de postagem não me agrada...

Tchezar disse...

muito bcana! Preciso ler o resto pra entender melhor, mas fiquei curioso pela continuação

Junior disse...

cara eu confesso pra ti, que teu texto due mo inspiraçao pra mim essa semana, quando tive que fazer uma redaçao em estilo diario...lembrei do teu texto na hora, so que o meu nao ficou mtoo bom nao
rsrs

Nandy disse...

Nossa que situação!

Antonoly disse...

A sua narrativa é de profissional, você é formado na faculdade de Letras, ou é escritor profissional?
Um abraço!

www.blogonauta.net

Rogerio disse...

Antonoly sou amador mesmo..mas obrigado pelo elogio...e Junior de a storia ti serviu de inspiração;;;que legal...espero que tnha tirado nota boa na redação...

Wander Veroni disse...

Puxa vida, a descrição é impressionante! Cheia de detalhes e emoções de quem já sofreu um acidente no trânsito. Tomara que muitas pessoas lêem esse texto e se conscientizem do perigo que é dirigir alcoolizado.

Abraço,

=]

-------------------
http://cafecomnoticias.blogspot.com

Y a s h a disse...

Muito bem escrito, se você tenta mesmo incorporar o personagem, você está conseguindo.

Jeff McFly disse...

Putz... situação meia tosca essa que você passou, hein cara?

Rafaely disse...

*/esperando a continuação *.*]

Beijo Beijo

Rafinha

Thierre Januth disse...

Adore a parte que vc fala que começa a sorrir

como assim e tão contraditórioo com o que estava lendoO

xDD

Abraços

http://thierre-januth.blogspot.com

Venho Sempre aquII adoroo Seu texto

Bom Final de Semana

Fernanda, disse...

que doido ^^

muito legal.. amei :D
beijos.

MiGueL disse...

vlw por passar no meu blog =)

Paula Martins disse...

Então eu já comentei...inclusive fiz uma pergunta e vc nem me respondeu...rs...

Paula Martins disse...

Então, confundi, o nome do livro é "Memórias de um Sobrevivente"...rs..
O Blecaute eu li, é mto bom, um dos meus livros favoritos.
Volte sempre!
Abs.

Siento que me miran de cerca disse...

Puts! Que furada
Não sou fã de motos =/

Amo contos

http://sientoquememirandecerca.blogspot.com/

Dani disse...

que situação, como diria minha avó. rs

tem continuação? volto pra ler, ok?

Bruno Farias Machado disse...

Parabéns continue assim cara ! :D

Caroline Bigarel disse...

Por isso motos. Ela so tem duas rodas, um dia ela te vence! Espero que esteja bem !

Joey disse...

gostei do blog!


escreve muito bem!

gabriel disse...

parabens pelo blog

Esconderijo disse...

Que relato esse texto, hein?

Não deve ter sido fácil passar por essa situação!Abs.

http://escondidin.blogspot.com/

Viviane Righi disse...

Não é à toa que eu tenho "birra" de motos. Acho muito perigoso!

Dizem que os piores acidentes são os de motos...

Wander Veroni disse...

Não sei já escrevi isso, mas achei a sua ideia de compartilhar a sua história muito boa! O texto prende!

Abraço