sexta-feira, 16 de setembro de 2011

O Pacto 10 Parte Final

Olho o numero e não reconheço quem possa esta ligando a essa hora da noite, mas mesmo assim atendo. Do outro lado da linha ouço uma pessoa se apresentando com sendo um policial e informando que minha esposa e minha filha haviam sofrido um acidente de carro.

Fico sem reação sinto que um buraco se abriu sobre meus pés e meu corpo esta caindo na escuridão. Como isso foi acontecer está tudo errado? Então em minha mente ouço a voz da cigana.

- No prazo de dez anos, virei buscar meu pagamento...

Tudo está terminado, o mundo parou naquele momento...

Um mês se passou desde aquele trágico acidente com minha família. Agora aqui estou olhando para os túmulos das duas pessoas que mais amei nessa vida. Ainda me lembro das palavras do motorista que bateu no carro da minha esposa.

Ele conta que estava voltando pra casa, quando do nada apareceu uma velha bem na frente do seu caminhão, ele tentou desviar e perdeu o controle da direção e bateu em cheio bem no carro da minha família. Hora do acidente 00h00min...

Fico olhando para as fotos de minha esposa e filha na lapide, sinto um vazio dentro de mim, sem vocês meu mundo não existe.

Penso comigo mesmo, faria qualquer coisa pra ter vocês de volta pra mim. Nesse momento um vento sopra e sinto uma presença ao meu lado e ouço uma voz:

- Eu sei o que você quer, você vai ter tudo de volta só precisa dizer apenas três palavras e nada mais... FIM...

45 comentários:

José Alencastro disse...

Já estou seguindo seu blog pelo Google friend conect, tem um belo conteúdo, convido a conhecer meu blog: http://profeciasoapiceem2036.blogspot.com/ e também seguir-me pelo Google friend. Abraço

Capitu disse...

Bacana, ja tentei fazer algo parecido mas nao tive a mesma capacidade de prender o leitor...

Parabéns!

http://blogdacapitu.blogspot.com/

Blog UaiMeu! disse...

Nossa que foda essa história em perder a familia muito tenso

Andy A. disse...

Final realmente trágico . E que venha a nova história , tão envolvente e curiosa quanto . Parabéns .
http://andyantunes.blogspot.com/

N. Medeiros disse...

Muito legaal o blog!
Já estou seguindo, se poder retribuir: http://umcafumamorquentesporfavor.blogspot.com/

Mari disse...

Como dizem, cuidado com o que deseja... todas as escolhas que fazemos tem um preço.
Gostei muito da série.

Camila O. disse...

Tão massa quanto "A Conexão"! :)

Days (un) common disse...

Puts, amei! Muito bom!

http://iampurplepineapple.blogspot.com/

Uvirgilio disse...

Já estava com saudade de ler seus textos e do seu espaço.

Lucyano Jorge disse...

Texto muito bem construído.

http://cinemaparceirodaeducacao.blogspot.com/

Aline Diedrich disse...

Bacana... Bem articulada sua história!

Lucas Adonai disse...

Muito boa historia ;d

Tati disse...

Ler primeiro o final não é a ordem mais exata, mas deu pra perceber que a estória parece boa. Vou ler o restante!

♥MáH♥ disse...

Medooooo!
Gostei da história, me lembra uma mistura de filmes e livros. Muito bom!


http://resenhandomm.blogspot.com/

Davi Drummond disse...

belo final =))

www.foiporquerer.blogspot.com

felipe leon disse...

O fim da saga da perversa cigana e sua maldição ,
http://fleonandthecity.blogspot.com/

Ana Lucia Nicolau disse...

há algum tempo não visitava o palavras ao vento...realmente interessante sua cronica...
abs


minha página no facebook
https://www.facebook.com/pages/Ana-Lucia-Nicolau/141689705876641

Fernando disse...

Muito massa cara! No começo achei uma coisa mas me surpreendi... pena que o fim foi bem trágico! abraço!

Jailson Batista disse...

Oi,passando pra avisar que tem um selinho pra você,lá no meu blog:

www.jaylsonbatysta.blogspot.com

abraço!

Matheuslaville disse...

Que pacto mais demorado... da até medo...

OGROLÂNDIA disse...

isso parece até aquele filme arraste-me para o inferno, que tinha aquela cigana nojenta, lembra?
tomara que essa cigana ai leve ferro no final. matou a esposa e a criança que nada tinham com a história.
cigana chata.

Fernanda Duarte disse...

Nada de dizer mais nenhuma palavra, senhor protagonista; ciclos do mal devem ser quebrados na raiz! Interessante o desfecho, Rogério, creio que nenhuma punição seria superior a essa. Beijos!

Letícia disse...

Adoro contos! Mas seria melhor dividir em meenos partes, com mais texto em cada. ^^ Parabéns pelo teu blog!

www.onomedissoesarcasmo.com

Lucas Adonai disse...

Muito legal cara ;D

♥MáH♥ disse...

Esperando pela novo post...

Vanessa disse...

uh fiquei curiosa para saber quis são essas palavras de redenção.
Eu já havia lido uma parte em uma visita antiga ao teu blog, e como sou curiosa pretendo voltar e ler do começo.

P.s notei um erro de digitação no começo, mas enfim é normal acontece. rsrs Comigo mesmo acontece constantemente.E ACHO Q VC DEVERIA APOSTAR UM POUCO MAIS NO designer DE TEU BLOG SÓ IRIA VALORIZAR MAIS SEU TRABALHO AQUI, MAS E SÓ UMA SUGESTÃO TA ^^ PARABÉNS PELO BLOG.
ASS .
http://observingetcetc.blogspot.com/

Vanessa disse...

RSRS FUI LER MEU COMENTÁRIO E NOTEI ERROS DE DIGITAÇÃO. SÓ REFORÇA O Q EU DISSE KKKKKKKKKKK

Alexandre disse...

nossa vou parar para ler inteiro
*---*
Vou seguir

passa no meu blog?
http://voandoalem.blogspot.com/

Ravi Barros disse...

Me sinto meio perdida por não ter lido o restnte do conto, mas por essa última parte dá para perceber que foi algo bem profundo... Já pensou em escrever em 3ª pessoa? Eu acho mais envolvente!

Tαtαh disse...

Phodaaa..

Blog Atualizadoo!!! Dá uma passadinha lá, vs vai adoraar!!!
http://echidellanima.blogspot.com/

Fábio Alves disse...

Cada vez melhor.

Jailson Batista disse...

Oi,passando pra avisar que tem um selinho pra você,lá no meu blog:

www.jaylsonbatysta.blogspot.com

casso não obter respostas, será entregue á outro blog...

aguardo resposta... abraço!

Rock in Culture disse...

Poxa ja esta na parte 10 irei ler as outras e depois comento essa parte a que eu mais gostei foi da 5 ate agora

Blog UaiMeu! disse...

Eu já comentei esse texto foi o meu preferido ,e estou ansioso por novas histórias
abraço

Brasil Sem Preconceito disse...

Nossa, muito tensa a história. O problema é que quem não acompanhou desde o início, fica meio perdido... Como o não entendimento desse fim, das tais três palavras. Mas você escreve de uma forma tão direta (de uma forma boa) que, mesmo sem ter lido tudo, dá pra entender boa parte da história. Adorei também o misticismo que colocas na história, isso é interessante. Parabéns!

Mauro Gutembergue disse...

Confesso que perdi o bonde da história, queria, e talvez o faça, ter acomanhado a história desde o começo!!

parabéns

Rejane Ferreira disse...

Mto boa a história! Vc consegue prender nossa atenção.. Parabéns! O blog tb é ótimo!

Abraços..

http://rejane-ferreira.blogspot.com/

Filipe Dias disse...

Belo final. Um pacto sempre leva a outro...

Vinicius Guahy disse...

Muito Boa a estória,parabéns.

Rômulo disse...

...

estou arrancando os cabelos QUERO SABER MAISSS
kkkkk
gostei muito ,familia é um assunto muito sério e pra se escrever algo sobre ele as "amarrações" da história tem que ser muito boa,vc não deixou a desejar neste aspecto, I like!

ADILSON JORGE disse...

Gosto do jeito que escreve. Muitos por aí acham que escrever ver é encher o texto de palavrões difíceis que nem mesmo quem escreveu sabe o significado. Você não, o que acho legal porque dá vontade de continuar lendo. Parabéns.

Abraços
http://ceucaindo.blogspot.com/

#JL disse...

maneiro!

pris disse...

Muito bom o texto! Pelo fim deu para imaginar bem o começo deve ser uma estória com um exelente enredo vlw.

danielacristofoli disse...

ótimo!
bjs
http://etcmodaetal.blogspot.com/

danielacristofoli disse...

ótimo!
bjs
http://etcmodaetal.blogspot.com/