quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

A Conexão parte 18

João estava perto da janela do quarto do seu amigo, quando escutou aquela risada. Ao ouvir de aquela voz seu corpo estremeceu, um calafrio percorreu pelo seu corpo, essa era a mesma voz que tinha falado com ele pelo celular. Num ato de desespero ele começou a esmurrar a janela e gritou:

- Paulo estou aqui, abre a janela ou a porta, vamos cara!

Paulo ouviu os socos e os gritos do amigo e respondeu:

- João me ajude!

Paulo ia se levantando da cadeira para ir junto à janela, quando sentiu que algo estava apertando seu braço. Ele ficou imóvel uma força estranha o segurava, sentia uma pressão no seu braço como se começasse a esmagar seus ossos.

Ele tentava escapar de qualquer jeito, mas aquela força era descomunal. Quando ele olha para a tela do computador, aquele rosto que apareceu começou a sorrir e disse:

- Onde você pensa que vai amigo?

- Tua hora já chegou ninguém poderá ti ajudar.

- Por favor, Paulo dizia: deixe-me em paz!

- Deixe-me viver, eu faço qualquer coisa, o que você quer de mim?

- O que eu quero de você, aquela voz respondia: quero vingança, quero tua alma.

- Você vai se juntar aquela vagabunda da Michele. Vocês diziam que iam ficar juntos para sempre, agora iram ficar, mas não num paraíso, mas sim no inferno hahaha.

- Mas não se preocupe que vocês não vão ficar sozinhos, por muito tempo, logo aqueles outros seus amigos vão fazer companhia pra vocês. Todos sem exceção... continua...

56 comentários:

Felipe disse...

Nusssaa terro adoroooooooooo...
pela primeira vez li uma dessas 18 partes por completo o/, e achei realmente muito bom. Só que como n li tudo n entendi muito.

Vc curte rock? disse...

Um conto de terror é sempre bem-vindo. Porém como já são 00:15hrs, vou evitar pra não mijar na cama...

heheheh

Amanhã de manhã eu leio o resto e quem sabe não deixo outros comentários

Ju Ogata disse...

Eita... deu vontade/curiosidade de ler desde o começo! Vou acompanhar a história! rs

Boa sorte com o blog!

O Pinto Louco disse...

Muito bom, terro com uma mistura de suspense otimo.. unico blog que vi contar historias assim até agora!
muito original voce meu chapa!
parabens!

Ronaldo Santos - rs²Design disse...

Oba, tenho um monte de texto pra ler agora!

Gostei... mas vou desde o começo!

Paty =] disse...

aaaaaaahhhh que hiistoriiiiaaaa, adoooreei! *-*

. Yuri Barichivich disse...

Curti a continuação. Gratz, mas acaba quando?

http://verball.com.br

jason, seu terror disse...

perdido aqui, perdão, parte 18!

tentando me interar

Jason, seu terror

War Inside My Head disse...

Fazia tempo que não lia algo assim tão soturno!!
Bom texto!
Seguindo!

Macaco Pipi disse...

E ESSE LIVRO QUANDO SAI?

Jordania disse...

Achei seu blog hj na comunidade "eu tenho um blog" no orkut.
Que bom que vc divulgou seu blog lah se naum nunca teria acesso a essa história viciante!!! PARABENS Estou adorando ...li todas as partes hj.
vou divulgar...Comecei meu blog a poucos dias.
abraçoss
espero anciosa a continuação.

SheiiLa disse...

Impressionante! Vou querer acompanhar...

Se quiser visitar meu blog: http://doqueasguriasgostam.blogspot.com/

Camila Carvalho disse...

Nossa deu medinho
so entendi dpois q li tudo
É uma otima historia parabens =D

jason, seu terror disse...

O bom da net é iso. Essa necessidade de publicar um livro fisíco diminui, quando não some. É publicar na net e ir atrás. O importante é ser lido

Jason, seu terrror

Gilmar Santos disse...

que terror... vou continuar lendo e para isso vou favoritar seu blog para visitá-lo de vez em qujando...

Edu Chaves disse...

A história tá caminhando bacana, espero que o final seja bem emocionante, hehe
abs

Wander Veroni disse...

Puts! Só espero que ele consiga fugir desse psicopata. Parabéns pelo texto!

Abraço,

http://cafecomnoticias.blogspot.com

Mattheus Rocha disse...

Tá cada vez melhor e mais inusitado.

Saudações.

LUCECCY disse...

É UM BOM TEXTO QUERO LER O FINAL.

Duchamp disse...

Olá!
Acompanhei a história e posso dizer que cada vez está mais interessante!
Estou gostando demais e já anseio a próxima parte!

Abraços

M. e C. disse...

Aaah, terrooooor!
Adooro :D
Mais se eu não dormir a note, a culpa vai ser sua!
HAHAHAHA

Beeeijos ;**
C.

Marcus disse...

cada vez está ficando mais assustador, mas pelo menos agora sabemos o que ele qué de verdade.

kbritovb disse...

caraca ta punk hein
cara quer vingança msm

Adilson Jorge disse...

Infelizmente, não consegui ler tudo, mas do pouco que li gostei.

Vou voltar!

Abraços
http://ceucaindo.blogspot.com/

joão victor borges disse...

um dia vou com certeza ver 'a conexão' nas prateleiras dessas livrarias do futuro, tamanha a qualidade.

http://anpulheta.blogspot.com

Inez disse...

Putz é muito suspense e fico anciosa para ver o final.

MB Galvão disse...

Eu já acompanho há algum tempo. Mas cada dia fica melhor!!!

Isabela Haiek. disse...

Opa, parece ser bom :)
Lerei desde o princípio!

beeeijo!

Vinicius Oliveira disse...

parabens pelo blog cara, seus textos é muito bom, gosto de ler seus posts.

http://viniciusoliveiraa.blogspot.com/ comenta?

. Yuri Barichivich disse...

Já se extendeu um bocado, está boa a narrativa, mas poderia acabar. E partir para algo novo. Só uma sugestão!

Alexandre Terra disse...

cara, mt bom esses seus textos, vc deiva publicar um livro!

http://alexandreterra.blogspot.com/

Mayna disse...

Muito bom. Me deixou curiosa. Se der tempo vou tenatr ler os outros posts, porque algumas coisas ficaram meio vagas pra mim.

Rodrigo Neves disse...

beeem leegaal , gosteii bastante!

Naya Rangel disse...

Olhaaa ... eu que venho acompanhando o conto desde o começo, estou achando um máximo!

Já pensou em transformar em livro, ou algo assim?

Abraços!

Vinícius Paulo disse...

Não entendi muito bem, mas achei interessante... Talvez acompanhe... Abs!

Nocivo disse...

Pena que lendo apenas um capítulo o conjunto fique prejudicado, mas é uma boa forma de fazer com que busquemos ler desde o início. Ah, só tome cuidado com a colocação das vírgulas, mesmo nos textos mais coloquiais, na escrita, elas precisam ser adequadamente colocadas. Confesso que o conteúdo faz esse pequeno deslize perder a relevância, bom trabalho! =)

Gabriel disse...

Um conto de terror, interessante. Só acho que você precisa arrumar um pouco mais a sucessão de fatos.

Mas como haverá uma continuação, vamos veh ;)

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

ROGÉRIO SOU SEU FÃ, SEUS TEXTOS SÃO ÓTIMOS, VOU PARAR DE COMENTAR NO SEU BLOG, JÁ SABE DE CÓ E SALTEADO MINHAS OPINIÕES, POW... DEMAIS, CONTINUE ASSIM LITERATO QUERIDO!

fabis disse...

muito bom e parabens pelo blog

http://afffveioo.blogspot.com/

chris disse...

legal teu blog e a postagem tambem, ja tinha lidoa algo antes dessa serie... meio tetrico , lembra um pocuo aqueles filmes do ze do caixao, estilo " a meia noite levarei tua alma"...é isso ai, continue assim !

kekoblogger.com.br disse...

Muito bom, muito mesmo!

Você escreve muito bem (acho que ja disse isso) nossa, não é texto sem sentido!

Parabéns!

Macaco Pipi disse...

gostei da parte 15 até agora

Paty =] disse...

aaah poderia ter carro voando eu ia amaaar!
brigada por comentar la! *-*

Inez disse...

Não vejo muito terror nessa estória, vejo mais suspense que estou anciosa para ver o final.

Mesksign disse...

que curiosooo. (:

Lucas Cardoso disse...

adoro contos !

escrevo poesias !

vou ler desde o 1º

vou seguir !

gostei do tema

Ítalo Richard disse...

Eu leio e fico imaginando a cena, como num filme.
:)

Kennedy ! disse...

Já leu "Descanse em paz, meu amor"? Li quando eu tinha 12 anos, por incrivel que pareça, seu texto me fez lembrar desse livro. Muito bom o blog.

Ingo disse...

Nossa imaginei como seria essa risada
medonhaaaaaaa
Ta otimoooooo

Guilherme Lombardi disse...

fico imaginando aqui as cenas de cada parte, muito bom!

Tatiana disse...

Pra falar a verdade eu fiquei meio confusa com sua pontuação. Vc colaca travessões (-) diferentes pra fala do mesmo personagem, e eles indicam exatamente que mudou o personagem da fala.
Mas eu achei instigante a história

Henrique Alvez disse...

viiiish
x___X
acho que ele se ferrou dessa vez
verei as outras partes para saber

Carla Cestille disse...

adorei!

Canto do Lufa disse...

A rebeldia da máquina assassina

Sharisflips disse...

fica ruim porque tem que ler todinho pra entender =/

LuEs disse...

Mais uma vez, momentos irregulares quanto à estruturação do seu texto e escolha das palavras.

"Vocês diziam que iam ficar juntos para sempre, agora iram ficar, mas não num paraíso, mas sim no inferno hahaha."
Perceba que o tempo verbal destacado não corresponde a nada, uma vez que o passado seria "foram" e o futuro seria "irão".

Não sei se perdi essa informação, mas gostaria de saber se o Paulo mora sozinho...